terça-feira, 7 de julho de 2015

I Festival Santos Café

Os paulistas terão nessa semana o feriado de 9 de julho, quando se comemora a Revolução Constitucionalista de 1932, proporcionando um fim de semana prolongado para aqueles que podem emendar a sexta-feira, é lógico.

Então se você gosta de pegar a estrada, de apreciar um bom café e de uma boa programação cultural e gastronômica, aproveite o  I Festival Santos Café, que a partir do dia 9 de julho vai transformar a cidade na capital do Café do Brasil. 
         
A programação é totalmente gratuita, atendendo ao público de todas as idades e ocupará o Boulevard da Rua XV, Praça Mauá, museus do Café e Pelé, o edifício da Construtora Phoenix, Estação do Valongo e a Casa da Frontaria Azulejada, sempre das 10h às 21h, de quinta a sábado, e até às 17h no domingo.

A cidade se preparou para receber os visitantes, com os locais todos sinalizados especialmente para o Festival e vários restaurantes do Centro Histórico participarão do evento, oferecendo almoços durante os dias do Festival, com sobremesas especias, feitas à base de café. 


Conheça os restaurantes participantes e programe-se:
  • Allegra Café: Pça. Visconde de Mauá, 5
  • Almoço: Rua XV de Novembro, 45 
  • Atami: Rua XV de Novembro, 100
  • Bodegaia: Rua XV de Novembro, 26 
  • Café Mauá: Pça. Mauá,23
  • Estação Bistrô Restaurante-escola: Largo Marquês de Monte Alegre nº2
  • Jamblam:  Pça. Mauá, 33
  • Largo do Café: Rua XV de Novembro, 80
  • Porto Brasil: R. XV de Novembro, 1
  • Du Maria: Rua Frei Gaspar, 40 e 
  • Tasca do Porto: R. XV de Novembro, 112


Os tradicionais  Bonde Café e  Bonde Brincar contarão com o reforço dos walking tours, passeios de 40 minutos com monitoria de guias de turismo, que relembrarão importantes prédios e aspectos históricos do grão que inseriu Santos no cenário econômico mundial. Os passeios serão realizados em quatro horários (10h, 12h, 14h e 16h), saindo da Praça Mauá.


A Casa da Frontaria Azulejada será transformada em um espaço artístico diferenciado. Dentre os vários artistas que apresentarão seus trabalhos inspirados no café, o caricaturista Cléber Nunes produzirá, ao vivo, retratos e estilizações utilizando café como tinta.

Mais atrações e locais:

  •  Boulevard da Rua XV - ‘Corredor cultural’ do evento e palco das principais atrações musicais, apresentará artistas locais e de projeção nacional interpretando blues, MPB, jazz, samba, choro e bossa nova. As principais atrações musicais serão o cantor Dom Paulinho Lima, Abbey Road (cover do The Beatles) e a Tradicional Jazz Band. Da programação, constam ainda o Ballet da Cidade de Santos, grupo Dança de Rua do Brasil e Estátuas Vivas, além de intervenções de grupos de teatro.
  •  Museu do Café (Rua XV de Novembro, 95)  Cursos de café expresso e de ‘Latte Art’ (desenhos com leite em bebidas à base de espresso) para adultos, e contação de histórias e curso de minibarista para os pequenos. Durante os quatro dias do festival, haverá também visitas monitoradas.





  •  Museu Pelé (Largo Marquês de Monte Alegre, 1) - Oficinas gastronômicas com chefs de cozinha e baristas, apresentando diversas técnicas para o preparo de receitas à base de café, e oficinas literárias, com a produção de haicais (poemas de origem japonesa) tendo como tema 'Café, a poesia em pequenas doses...'. A proposta é levar o público a uma verdadeira viagem pela história dos imigrantes japoneses, que vieram ao Brasil para trabalhar em lavouras de café, e a ter contato com diferentes tipos de grãos.

  • Casa de Frontaria Azulejada (Rua do Comércio, 93) 28 artesãos, artistas plásticos, joalheiros, antiquários e designers exporão trabalhos enfocando o café e as belezas de Santos. Dentre os artistas, Mônica Figo, autora de vários trabalhos inspirados na cidade; a designer Sandra Ceolin, responsável por jóias com conhecidas formas geométricas locais, a exemplo das muretas da praia; e a ceramista Maria Angélica Dias.
  • Estação do Valongo (Largo Marquês de  Monte Alegre) – Transformada em ‘Espaço Kids’, contará com brinquedos, maquiagem infantil e brincadeiras, além da presença do personagem Indiana Jones nos passeios do Bonde Brincar. Nas proximidades, também haverá exposição de carros antigos.
  • Construtura Phoenix  (Rua XV de Novembro, 141)  Abrigará a exposição fotográfica ‘Do café ao cafezinho’, que mostra diferentes etapas da produção, colheita e transporte do café, assim como da preparação da bebida.


 Se você não está disposto a fazer um bate e volta para Santos, ainda dá tempo de se hospedar na cidade, onde 5 hotéis preparam pacotes especiais para o evento, são eles:

  • Cosmopolitan Praia Flat, 
  • Ibis, 
  • Mendes Plaza, 
  • Mercure e 
  • Parque Balneário Hotel

O Festival também terá uma programação musical diversificada, invadindo as ruas do Centro Histórico com muito blues, MPB, jazz, samba, choro e bossa nova. 


O palco principal ficará na Rua do Comércio, onde terá apresentações do cantor Dom Paulinho Lima (dia 9, às 19h), Abbey Road – Beatles Cover (dia 10, às 19h), e Traditional Jazz Band (dia 11, às 19h).

         
Cantor de soul e black music, Dom Paulinho foi um dos finalistas do programa The Voice Brasil em 2013. No ano seguinte, lançou o seu primeiro CD pela Universal Music.


Já apara quem curte o velho e bom rock'n roll,  Abbey Road, fará um espetáculo cênico musical,descrevendo com fidelidade toda trajetória The Beatles. Um luxo e o meu preferido.

         
Traditional Jazz Band é uma das mais consagradas do gênero e tem o objetivo de manter vivas as raízes do jazz no Brasil. Com dezenas de CDs gravados, desde 1964, a banda traz no repertório composições de grandes mestres da música.
A programação musical não para aí,  na Rua do Comércio terá também as apresentações das bandas Quizumba Latina (dia 10, às 13h) e a banda  Druidas (dia 11, às 17h).


Em outro palco, na Praça Mauá, mais música boa com Charanga de Bolso (dia 9, às 13h), Maurício Fernandes (dia 10, às 13h), Choro de Bolso (dia 11, às 13h) e Zago Art Show (dia 12, às 13h).

         
Em um terceiro palco, no Boulevard da Rua XV de Novembro, o público poderá curtir a Orquestra de Rua (dia 9, às 13h), Choro de Bolso (dia 10, às 17h), Ouro Verde (dia 11, às 13h), Kika Willcox (dia 12, ao meio-dia) e Quarteto de Cordas (dia 12, às 15h).
      

Os amantes de um bom cafezinho têm encontro marcado durante o Festival com os melhores tipos de grãos e marcas, na Rua do Comércio (ao lado frente à Casa da Frontaria Azulejada), com degustação gratuita, das 10h às 17h. Os visitantes terão a oportunidade de provar café das marcas Café Floresta, Fazenda Mantissa, Grão Gourmet, Santa Mônica e Supremo Arábica.

No dia 12, das 13h às 17h, no Boulevard da Rua XV de Novembro, um grupo de barista do Movimento Café na Rua, da capital, estará preparando a bebida com grãos especiais (100%  arábica e com receita de torra exclusiva).
O Café na Rua tem como objetivo divulgar o trabalho dos baristas e estreitar ainda mais a relação do público com o café. “Queremos que as pessoas tenha contato com os cafés de qualidade, algo que elas não estão muito acostumadas no dia a dia”, explica Luciano Salomão, um dos líderes do movimento, criado há apenas dois meses.

Para maiores informações e a programação completa do Festival: http://www.turismosantos.com.br/ ou clique aqui.

* Fotos do Museu do Café: Viviane Sartorato

        

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!