terça-feira, 9 de setembro de 2014

Reflexões Tortas de Uma Cidadã Indignada

Saudades de vocês, que mesmo diante dessa ausência suprema, insistem em ser fiéis ao blog. Obrigada por existirem!!!

Não escrevi por falta de interesse ou vontade, mas vamos combinar que é muito difícil manter a chama da novidade acesa nesse mundo de notícias 24h por dia.

A tal da Copa do Mundo veio e foi embora, não sem deixar um esgotamento sobre o assunto, sobre o que deu certo e errado, sobre a seleção brasileira, sobre os 7 x 1, sobre a invasão dos argentinos e tantas outras coisas.

Agora estamos em ritmo de eleições, uma tristeza acompanhar as opções de candidatos, a falta de consideração com o povo brasileiro, a poluição visual nas cidades cheias de cartazes espalhados em todas as esquinas.

Esse país é uma vergonha, é escândalo atrás de escândalo, é o país do "não sei de nada", ninguém assume responsabilidade, é um tal de se aproveitar dos outros, extorquir até a última gota de sangue já frio do cidadão.

A impunidade impera solta, as instituições públicas cada vez mais fragilizadas e desacreditadas, mas ainda assim os candidatos têm a cara de pau-brasil, tão escasso em nosso território, de mentirem, sentarem-se à mesa com o trabalhador, beijar e abraçar aqueles dos quais se esquecem durante todo o mandato.

Enfim, esse é o país da piada pronta, da permissividade excessiva, do jeitinho brasileiro, da falta de educação em  todos os sentidos, daqueles que se sentem melhores porque pagam por algo e usurpam sobre o direito dos demais.

Sejamos firmes e perseverantes em cumprir com o papel modesto de cada um nessa engrenagem corroída.

Não se deixe iludir pelo oportunismo explorador dos aproveitadores de plantão, não acredite que uma andorinha só não faz verão, não se renda ao jeitinho brasileiro, lembre-se sempre que o seu direito termina onde começa o direito do outro.

Afinal de contas, eu acredito que dias melhores virão e você?!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!