sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

“35 and single“: Sem Medo de Ser Feliz

Fim de ano normalmente é tempo de reflexão sobre o que fizemos durante o ano e, principalmente, sobre o que faremos no próximo ano, entre outras coisas.

Pensando nisso, encontrei o vídeo abaixo "35 and single" , publicado no New York Times, onde Paula Schargorodsky, argentina, mulher moderna, fez um trabalho bem legal, quebrando paradigmas, mostrando que uma mulher pode exercer suas escolhas livremente, fugindo das regras e padrões estabelecidos há anos.

Paula filmou durante 10 anos a sua vida e todas as transformações por que passaram, incluindo suas amigas, os casamentos, os filhos, até que a última amiga casou-se e ela continua seguindo sua vida de solteira.

A ideia do filme é fantástica, mostrar como as escolhas podem ser diferentes, como cada um escolhe viver aquilo que lhe está reservado, sem que isso faça de si uma pessoa amarga, mas apenas com opção de vida diferente.

Ainda há muito preconceito com aqueles que escolhem viver na contra mão do senso comum, não casar, não ter filhos, ser homossexual e por aí vai, mas vamos combinar que as escolhas refletem o que você é e muita gente não aceita a possibilidade do outro ser livre para exercer suas escolhas.

Quantas vezes ouvi a clássica pergunta "quando você vai ter filhos?" ou pior ainda, o comentário "se demorar para ter filhos vai ser avó do seu filho!", mas como viver na contra mão sempre foi minha vida, nunca pestanejei em responder à altura, dando vida à máxima de "quem fala o que quer, ouve o que não quer"

Enfim, sinta-se livre para não dar satisfações sobre a sua vida, muito menos explicações, justificativas.

O importante é ser feliz!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!