quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Yoga Bikram: A Febre da Estação

Duas coisas me chamaram a atenção em zapeadas por revistas e sites antenados e as duas atreladas à saúde, pelo menos aparentemente.

Hoje vou falar primeiramente da tal aula de Yoga em uma sala aquecida a 42 ° C, onde os adeptos praticam 26 posturas repetidamente durante 90 minutos.

Há quem pense que essa modalidade de Yoga seja novidade, tolinhos, vem dos anos 60, quando Bikram Choudhury, criador da técnica, abriu o seu estúdio em Los Angeles, na Califórnia/EUA, onde mais alguém teria essa ideia pela busca incessante da  forma física?

Daí vem o nome da modalidade, Yoga Bikram, ou para os novidadeiros de plantão, Hot Yoga.  Segundo os adeptos e “professores”, além dos diversos benefícios, como aumento da flexibilidade e diminuição de dores de coluna, esse tipo de prática ajuda ainda a enxugar a silhueta.

Deve enxugar mesmo, pensa ficar em uma sala fechada aquecida a 42°C, praticando repetidamente a tal Yoga Bikram So Hot? Confesso que me assombra só a ideia desse calor infernal, independente do que se faça dentro da sala.

Definitivamente essa modalidade, Yoga Bikram, não é para mim.

Atualmente é a sensação dos astros e celebs de plantão, todos sequinhos, flexíveis e quase desidratados após a prática!

Não tenho dúvidas que essa modalidade vai se espalhar Brasil a fora, ainda mais na estação dos corpos sarados, da busca frenética pelo corpão para o Carnaval, mas é sempre bom destacar que há vida inteligente na Terra, alguns médicos alertam que é preciso ter muito cuidado antes de se trancafiar em uma sala escaldante, independente do Verão, para se exercitar.

* Foto: Yuri Scott proprietário de estúdio da modalidade no Rio de Janeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!