quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Especialista em Enganação

Estou em uma guerra declarada contra a balança, chega de guerra velada, é preciso mais ação e atitude para perder os míseros 3 kg que me massacram a vida e apertam as roupas.

Primeiro passo buscar um médico especialista para fazer aquela interminável bateria de exames.

Após aquele fura-fura sem fim, exames prontos, retorno ao médico. Tudo lindo, índices normais, hormônios em dia e peso a mais.

Não é nada fácil não ter mais 20 anos, quando me bastava uma semana de controle moderado de alimentos.

Agora é preciso uma chacina de alimentos e uma maratona de exercícios físicos para apenas não engordar.

Essa sim é a grande injustiça da idade, o tal do metabolismo perder seu ritmo sem me consultar sobre essa atitude unilateral.

Para médicos que atuam na área de perda de peso a vida é muito simples, basta uma receita colorida para despachar o paciente do consultório e passar para o próximo paciente.

Depois disso fiquei a pensar com os meus botões,  se o tal remédio indicado para perda de peso atua no sistema nervoso central, enganando o cérebro, a fim de que se dê por saciado e satisfeito com a ingestão reduzida de alimentos, perder peso é uma questão de se enganar.

Outro ponto, o ser humano é especialista em enganar outro ser humano e a si mesmo, logo para que esse tal remédio? Para seres humanos bonzinhos?

Não é nada difícil para essa espécie acostumada a enganar aos outros e a si mesmo dar um by pass no cérebro.

Pronto, agora sim ficou muito simples, vamos enganar o cérebro, nos dar por saciados e comer menos.

Lógico que minha amiga querida e minha médica para todos os assuntos de saúde morreu de rir da minha tese maluca, mas ficou muito feliz por minha praticidade e decisão quanto a não aceitar o tal remédio enganador de cérebro.

Já comecei meu projeto de enganar meu cérebro, primeira semana funcionando bem, com louvor e merecendo estrelinhas.

De toda forma, tenho que concordar com o médico do tal remédio, ninguém engorda porque tem fome, mas sim porque a gula é mais forte, ou seja, em velho e bom português, minha avó esteve sempre certa, ter os olhos maior que o estômago é um problema.

Então está combinado, vou continuar no meu projeto maluco em busca de expelir 3 kg e viver em paz com a balança e as roupas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!