sexta-feira, 19 de julho de 2013

17 Festa da Polenta de Santa Olímpia

Uma boa opção de entretenimento e gastronomia nesse final de semana é a 17 Festa da Polenta de Santa Olímpia, em Piracicaba/SP, que começa às 20h dessa sexta-feira, dia 19/07 e vai até domingo, dia 21/07.


A comunidade tirolesa de Santa Olímpia já é famosa pelas festas e eventos que promove com o intuito de manter viva a cultura tirolesa.

Em Santa Olímpia vivem aproximadamente 900 descendentes de tiroleses. 

Para você conhecer um pouco mais sobre esses imigrantes, segue um trecho extraído do próprio site da comunidade:

"No período do Império Austro-Húngaro, a região do Tirol, de onde são originários os emigrantes trentinos, era formado por duas Províncias: Tirol do Norte e Tirol do Sul, sendo esta última dividida entre Província de Bolzano e Província de Trento. A região trentina, incrustada nas montanhas Dolomitas, era a região tirolesa onde o idioma principal não era o alemão, mas o italiano e, ainda que em formas dialetais, sua identidade cultural fez com que, anos mais tarde, a província requeresse sua autonomia governamental. No final da I Guerra Mundial (1918), a porção sul do Tirol foi anexada à Itália, passando a ser chamada Regione Trentino-Alto Adige (na língua italiana) ou Land Trentino-Südtirol (na língua alemã); hoje formam uma região autônoma.

O Trentino estava sob domínio austríaco quando o Império Brasileiro fazia propagandas para o recrutamento de emigrantes, visando substituir o contingente de mão de obra outrora escrava. A difícil situação política e social fez com que muitas famílias tirolesas emigrassem, com o sonho de “fazer a América”. Vindas principalmente da região trentina, o Brasil instalou seus emigrantes nas regiões Sudeste e Sul principalmente; essas famílias seguiam rumo ao campo, para trabalhar nas lavouras de café."


Voltando a festa, o cardápio conta com polenta frita, assada na chapa, com molho e o famoso canéderli, regado a vinho produzido na própria comunidade, uma festa só!!!

Os organizadores do evento esperam receber 15 mil pessoas, que deverão consumir 4 toneladas de polenta, já que o acesso à Santa Olímpia está melhor, com a duplicação de aproximadamente 6 km do total de 9 km da rodovia Hermínio Petrin (SP 308), que leva à comunidade.

É bom lembrar que o bairro fica distante do centro de Piracicaba, cerca de 15 km, mas com as obras de duplicação da rodovia de acesso, a segurança melhora muito, pelo menos é o que esperam os organizadores.

A festa conta com a preciosa participação de 400 voluntários, que deixaram seus afazeres para trabalharem nos últimos detalhes do evento e a adesão ao evento é tanta, que muitas pessoas tiram férias nesse período com o intuito de colaborar com a festa, isso sim que é espírito participativo.

Para você já ir entrando no clima e se programar para a festa, segue o cardápio:

Polenta rostida: nossa conhecida polenta frita;
Brustolada: polenta assada na chapa;
Polentola: minipolenta com molhos diversos;
Cuscuz;
Cervela:  salsicha;
Linguiça campestre (bauerbratwurst);
Espagueti;
Canéderli: sopa de nhoque com pão amanhecido, trigo, frango, linguiça e temperos; Cucàgna e cràuti: repolho curtido, cozido com linguiça calabresa e bacon.

A festa começa agora, com a abertura oficial do evento, segue sábado a partir das 11h e no domingo terá uma missa às 9:30h e o almoço a partir das 11h.

O local possui estacionamento com seguro ao preço de R$ 15,00

Com a queda da temperatura o clima fica ideal para saborear essas delícias gastronômicas da 17 Festa da Polenta de Santa Olímpia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!