terça-feira, 30 de abril de 2013

Bye, Bye Abril...

Hoje é dia 30 de abril, mais um mês chega ao fim, com ele termina o prazo para a entrega à RFB da declaração de ajuste anual do imposto de renda da pessoa física, que tanto inferniza a vida de muita gente, mas mais que isso, o ano dá mostras da sua passagem veloz e irretratável!

Estamos quase nos aproximando do meio do ano de 2013, isso me faz refletir sobre muitas coisas, principalmente sobre a minha lista de "to do" do ano, ou seja, sobre as metas que fixei para mim para esse ano.

Caminhando bem na maioria dos itens, o que me dá o direito de ganhar estrelinhas por cumprimento de metas, mas como não há PLR para isso e muito menos alguém vai me presentear com as estrelinhas que tanto mereço, vou mesmo é tomar uma boa dose de whisky, de preferência acima de 15 anos !

Se você está pensando que vou aproveitar a véspera de feriado para meu brinde, engana-se, feriado só existe para quem é empregado, para quem é autônomo ou dono do próprio negócio, todo dia é dia de trabalhar, principalmente com os prazos pipocando.

Mas você acertou, vou beber a minha dose assim mesmo, pois afinal de contas posso me dar ao luxo de dormir amanhã até o horário que meu sono permitir.

Agora vamos combinar que uma semana com duas sextas-feiras é bem bacana, incrível como o corpo percebe logo essa possibilidade de descanso extra, hoje pela manhã meu marido ao acordar disse que estava exausto, com o corpo todo dolorido, lógico, intuitivamente ele já sabia que amanhã é feriado e vai descansar, pelo menos não vai mostrar as caras no trabalho.

Para quem conseguiu emendar o feriado, ah!, você não é um desses sortudos, que pena!, uma boa pedida é colocar o pé na estrada ou nas nuvens e ir viajar, aproveitar os dias bonitos que a estação nos proporcionam e relaxar em algum lugar bacana.

Nada de dicas para viagem, isso a internet te proporciona aos montes, a dica aqui é curtir a vida, curtir os momentos raros de descanso, de prazer em estar na companhia de quem se gosta, de saborear um bom prato, uma bebida que te aqueça a alma, sentir o cheiro da manhã surgindo com o aquecer do sol e coisas do tipo, simples assim !

Então é isso, abril já se foi, maio vem chegando com aquela pressa toda e o fim do ano se aproxima, mas não antes sem as merecidas férias.

Até maio.

sábado, 27 de abril de 2013

Caminhada Ecológica 2013: Circuito Sousas - Joaquim Egídio

Acontecerá amanhã a Caminhada Ecológica Circuito Sousas - Joaquim Egídio, o percurso da caminhada será de aproximadamente 6 km, passando pelos distritos de Sousas e Joaquim Egídio, com nível de dificuldade leve.

Oficialmente as inscrições terminaram no dia 26/04, mas você ainda pode participar da caminhada, basta estar na concentração do evento, ou seja, na praça Dr. Cássio Menezes Raposo do Amaral às 8:30h.

Não é recomendada a participação de animais de estimação, crianças com menos de 10 anos e pessoas com retrações de mobilidade e locomoção.

Lembrando apenas que se o domingo for de chuva o evento será transferido para outra data, então fique ligado e participe, os distritos de Sousas e Joaquim Egídio têm muita coisa boa e gostosa a oferecer aos visitantes, desde cultura até gastronomia, aproveite.

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Festival Varilux de Cinema Francês 2013

Quem curte cinema não pode perder o Festival Varilux de Cinema Francês 2013, que acontecerá entre 3 e 16 de maio em várias cidades do Brasil.

Veja os filmes que participarão dessa edição:



Serão 45 cidades participando esse ano e você pode encontrar boas opções de filmes para a sua cidade, a programação da semana de 03 a 09 de maio já foi divulgada, programe-se e divirta-se.



terça-feira, 23 de abril de 2013

Lenços, Cachecóis e Echarpes: Acessórios Poderosos V...

Em 2010 fizemos uma série com postagens sobre lenços, cachecóis e echarpes e com a queda da temperatura é sempre gostoso ter um desses acessórios para nos aquecer ou mesmo fazer um charminho extra no visual.

Então para quem quiser rever essas postagens ou aprender um pouco mais de formas de usar esses acessórios poderosos, selecionamos os links com todas as postagens, é só clicar...





Fica uma nova dica de como usar os acessórios nessa temporada 2013, veja a foto que é bem fácil de fazer.


Dia Mundial do Livro

23 de abril é o Dia Mundial do Livro e em homenagem à data especial, publico a foto do livro que estou lendo no momento, gentilmente cedido pela minha amiga Rose.


A estória criada por George R R Martin é fantástica e já virou sucesso na série Game Of Thrones, produzida pela HBO, que já comentamos aqui.

Voltando à data, ela foi criada originalmente em 1926, na Espanha para homenagear o nascimento de Cervantes, comemorava-se em 07 de outubro.

Posteriormente, em 1930, a data foi transferida para 23 de abril, data de morte de Cervantes e em 1995 a Unesco instituiu a data como sendo o Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor, não apenas por ser esta a data do falecimento de Cervantes, mas de outros importantes escritores conhecidos mundialmente. 

Independente de homenagear escritores, a data é importante para o reconhecimento da leitura como fonte inesgotável de conhecimento.

Então fica a proposta, poste na nossa Fanpage a foto do livro que você está lendo ou gostaria de começar em breve, ou ainda apenas coloque o nome do título.

Boa leitura! 


quinta-feira, 18 de abril de 2013

Sex Symbol Small Size

Está bombando a série da HBO Game of Thrones, que está na terceira temporada, até aí, sem novidades.

O mais incrível é que o galã da série é o inusitado Tyrion Lannister, o anão, o duende e tantos outros apelidos que o ator Peter Dinklage recebe por sua brilhante participação na série.

Essa não é apenas a modesta opinião dessa marmota que vos escreve, é a opinião da mulherada mundo a fora, um exemplo do alcance do galã pode ser percebido da pesquisa feita pela Vogue Bristish, quando publicou há algum tempo atrás matéria sobre a série de sucesso mundial.

O que se verificou foi que a maioria das mulheres entre 19 e 90 anos acham o personagem Tyrion Lannister o galã do seriado, isso mesmo meninos, nada de pagar pau para Robb Stark, Jon Snow, Jamie Lannister, Tyrion é o cara, o mais sexy eleito pela mulherada. 

Por outro lado, se perguntarem aos homens qual dos personagens/atores os homens acreditam que as mulheres vão apontar como o mais sexy, a maioria ficará entre Rob Stark e Jamie Lannister, ô dó!!!!

Exemplo banal mostra como homens e mulheres têm entendimentos tão diferentes, imagina esperar que esses dois gêneros se entendam?!

Para entender um pouco mais sobre o frisson que o DwILF Lannister está causando, veja o vídeo clicando aqui.

Voltando ao mimo Lannister, enquanto a importância de seu personagem não há dúvida de que realmente polarize opiniões, já quanto ao caráter "sexy" de Tyrion, bom, não há como negar sua virilidade, apetite sexual...

Já Peter Dinklage acha isso tudo muito irônico, "Honestamente, acho que tem um ironia nisso aí. Eu sou cético. Elas gostam de dizer que eu sou sexy mas ainda preferem os caras de 1,90 m. É legal ver que o pessoal está abrindo a cabeça, mas não acredito nisso nem por um minuto." declarou à Playboy Peter sobre o que é ser um DwILF (Dwarf I`d like to fuck).

Ora, não seja tão cético, os melhores perfumes estão nos menores frascos e os piores venenos também!!!

quarta-feira, 17 de abril de 2013

Novo Peugeot 208 - Corrida Maluca

Fantástico o vídeo de lançamento do novo Peugeot 208, está bombando e fazendo o maior sucesso, principalmente entre os kidults de plantão.

Nada como criatividade e muito bom humor...vejam só:




Quem é fã de desenho animado vai se lembrar da Corrida Maluca e das tantas traquinagens e malandragens dos participantes, que no final das contas sempre se davam mal.

Penelope Charmosa sempre se dando muito bem entre os mocinhos e bandidos, sorte da Peugeot que soube usar a seu favor a originalidade da Corrida Maluca.

terça-feira, 16 de abril de 2013

Coleção Impala Art. Love


Impala continua a aposta nas  cores da estação passada

A nova coleção outono/inverno da Impala continua apostando nos roxos, nude, cinza e nas cores clássicas como o rosa e o vermelho. Os esmaltes têm acabamento high gloss, que é o efeito brilhante sem ser cintilante. O nome da coleção é Art Love, no texto de divulgação a empresa informou que se inspirou na arte para essa coleção.

Embora as cores sejam bonitas e possuam qualidade, não causam surpresas. Álias, a criatividade desses vidrinhos estão nos nomes. Segue abaixo a apresentação dos nomes  e suas respectivas cores, dá-lhe criatividade do setor de marketing:

Esmalte Impala Ateliê Chic: Nude perolado, lembrando os ateliês, onde se cria, experimenta e produz a arte com bom gosto e elegância. 

Esmalte Impala Galeria Estilo: Inspirado nas grandes galerias de arte, o rosa cremoso, permite a expressão de estilo e personalidade.

Esmalte Impala Cinza Urbano: O cinza cremoso remete à cor das grandes cidades, a arte urbana e a modernidade.

Esmalte Impala Obra de Arte: O entendimento de uma obra de arte é único, um significado especial, representado por este laranja com efeito high gloss. 

Esmalte Impala Pintura Moderna: O azul high gloss, com partículas prateadas, representa um estilo ousado, um novo olhar através das formas e cores.

Esmalte Impala Roxo Descolado: O roxo high gloss é a cor que traduz a inspiração, a criatividade e a atitude do artista.

Esmalte Impala Grafismo: Preto high gloss, simples, mas impactante. O preto é a essência da arte popular e contemporânea.

Esmalte Impala Expressão de Amor: Vermelho high gloss, simboliza o amor, o desejo e a genuidade na composição de uma obra de arte. É a liberdade para manifestação dos sentimentos e emoções.

Por Mônica Galdino.

quarta-feira, 10 de abril de 2013

Exposição 100 Anos de Arte Paulista

Para quem gosta de apreciar obras de arte, a dica é visitar a Exposição 100 Anos de Arte Paulista, que começa hoje na Galeria de Arte da CPFL Cultura, em Campinas.

A exposição faz parte da comemoração do centenário da CPFL, que se completou em 2012, e da parceria feita com a Pinacoteca do Estado de São Paulo, permitindo ao público visitar obras clássicas de artistas paulistas do acervo da Pinacoteca.

Dentre as obras, destaque para artistas que compuseram a cena artística paulista do período entre 1912 e 2012, mas cabendo sempre uma exceção. Segundo a curadora da exposição, Valéria Piccoli, “Nesses 100 anos, abrangemos desde a pintura acadêmica, passando pelos modernistas, artistas concretos, arte popular e manifestações contemporânea”.

A exceção ao recorte cronológico tema da exposição é o estudo para "Caipira Picando Fumo", de Almeida Junior, obra do ano de 1893, que foi o primeiro paulista a despontar no cenário nacional, portanto merecedor de participar da mostra, pelo que a CPFL fez esse pedido de inclusão especial.

Dentre os artistas que fazem parte dessa exposição, temos não apenas os de projeção nacional, como Segall, Brecheret, Flávio de Carvalho, Graz, Di Cavalcanti, Rebolo, Volpi, Tarsila do Amaral, Cândido Portinari, mas também artistas locais, como a consagrada Beatriz Pompeu de Camargo, com seu autoretrato, pintura com inflexões impressionistas e ainda ligadas à tradição das belas artes.

A mostra ainda reserva mais obras ao visitante, com artistas ligados ao movimento abstrato, que emergiram no cenário artístico paulista a partir dos anos 40, essas obras compõe o segundo módulo da exposição, com a presença das fotos de Geraldo de Barros, seguido do abstracionismo geométrico de Waldemar Cordeiro e Fiaminghi, completando-se com o abstracionismo lírico da pintora de origem japonesa Tomie Ohtake.

Uma maravilhosa oportunidade de visitar uma parte do acervo da Pinacoteca, sem sair de Campinas.

A exposição fica na Galeria de Arte da CPFL Cultura até 10 de julho próximo, a entrada é franca e o horário de funcionamento da galeria é de terça a domingo, das 10 às 18h, mas nos dias em que há programação da CPFL Cultura, a galeria estende seu horário até as 20h.

Não perca essa oportunidade, pois arte faz bem ao corpo, à alma e ao espírito.

terça-feira, 9 de abril de 2013

A Imigração Haitiana Desenfreada Continua


Em 16/01/12 publicamos o texto abaixo sobre a imigração haitiana e como o problema apenas se agravou com o decurso do tempo, trazemos novamente o assunto.

Há algum tempo as manchetes das principais mídias trazem essa problemática, chegando ao extremo do governador do Acre na data de hoje, 09/04/13, decretar situação de emergência social para os município de Epitaciolândia e Brasiléia .

Esses municípios não têm condição de continuar recebendo o fluxo imigratório, é preciso que uma força tarefa entre em ação o mais rápido possível.

É muito fácil entrar no Brasil pelas fronteiras do Peru e Equador, criando não apenas rotas imigratórias do Haiti, mas também rotas de tráfico de pessoas e drogas vindas de outras partes do mundo.

Relembrando o texto de 16/01/12: O Haiti É Aqui...

"O Haiti é aqui, ou quase isso. A imprensa divulgou recentemente o aumento de haitianos que migraram para o Brasil, deixando para trás um cenário de assolação pós terremoto.

Se vão dois anos desde o terremoto que assolou o Haiti, muito se faz em termos de ajuda humanitária e ainda continua sendo feito, mas nesse caso o muito será sempre pouco.

O Haiti é a parte ocidental da ilha composta também pela República Dominicana, que sofreu com a colonização espanhola inicialmente, tendo sua população indígena dizimada em poucos anos.

Depois de aproximadamente 2 séculos de colonização espanhola, por meio do Tratado de Ryswick, Espanha cedeu à França a parte ocidental da ilha, que recebeu o nome de Saint Domingue, atual Haiti.

A base da economia de Saint Domingue foi o cultivo de cana de açúcar por escravos negros vindos da África. Com os ventos da Revolução Francesa, os escravos se rebelaram e muito sangue foi derramado até que em 1820 houve a unificação do sul e norte sob o governo já independente de Jean-Pierre Boyer.


Saint Domingue conquistou sua independência em 01/01/1804, passando a adotar o nome de Haiti, sendo a primeira república negra das Américas e o primeiro país independente da América latina.

Pode não parecer muito olhando de onde estamos, mas o percurso político percorrido pelo Haiti foi longo, sangrento e influenciou muitos países vizinhos.

Se quiser conhecer um pouco mais da rica história dessa ilha, de seu povo, religião, etc, fica a indicação da leitura do livro Ilha Sob o Mar, de Isabel Allende, uma excelente leitura.

Bom, mas voltando ao assunto, o Haiti viveu também a podridão da ditadura, quando em 1957 foi eleito o presidente “Papa Doc” Duvalier, instalando no país um rigoroso regime ditatorial, oprimindo opositores, inclusive a igreja católica.

Com a morte de Papa Doc em 1971, assumiu a presidência seu filho Baby Doc, dando continuidade ao regime ditatorial, até que em 1986, após os inúmeros protestos populares, ele fugiu para a França.

O Haiti passou a ser governado por uma junta chefiada pelo general Henri Namphy, em 1990 foi eleito o esquerdista Jean- Bertrand Aristide, mas não durou muito a democracia no país.

Um golpe militar depôs Aristide, reinstalando-se o regime ditatorial no país, que sofreu com as sanções econômicas da ONU.

Apenas em 1994 Aristide retorna à presidência do Haiti, mas os problemas não acabaram, a situação econômica do país, a insatisfação popular e o cenário mundial foram os motivos de Aristide abandonar o Haiti, refugiando-se na África desde fevereiro de 2004.

Historinha triste a do Haiti, que vive ainda hoje sob intervenção da ONU, sobrevivendo de ajuda humanitária, 60% da população está desempregada, o país não foi reconstruído após o terremoto de 2010 e a maioria da população sobrevive com apenas US$ 2,00 por dia.

Com esse cenário caótico fica fácil entender quais os motivos migratórios do Haiti.

O Brasil é um país em desenvolvimento, relativamente próximo do Haiti, que conquistou a simpatia do povo haitiano com a ajuda dada pelo exército durante tanto tempo em seu território, sendo a escolha certa de quem migra para buscar nova vida.

A corrente migratória do Haiti criou a figura do coiote, aquele carinha tão conhecido entre os Mexicanos e Cubanos que buscam entrar ilegalmente nos EUA.

Imagina só a cena de coiote para trazer haitiano para o Brasil?! Pois é, mas é um serviço caro, perigoso e violento, que vende a ilusão de uma vida nova e bem sucedida no Brasil.

Os abusos sofridos pelos haitianos que pagam pelos coiotes são inúmeros e alarmantes.

Os estados do Acre e do Amazonas são os principais receptores dessa massa migratória, que busca um fio de esperança para uma vida mais digna.

Pena que os problemas apenas mudam de país, já que as cidades que fazem fronteira com o Peru, rota migratória dos haitianos, não estão preparadas nem mesmo para propiciar aos seus cidadãos emprego e vida digna, como garantido na Constituição.

Muitos encontram-se em situações muito piores das que viviam no Haiti, passando fome, sem ter onde morar, dividindo com dezenas quartos apertados de pensões cedidas pelo poder público, dormindo amontoados como em navios negreiros.

É assustadora a situação desses haitianos, que vivem sem um fio de esperança, decepcionados, com suas expectativas frustradas, vivendo à margem da sociedade, sem documentação de permanência, enfim, marginalizados.

Com o forte aumento da chegada de haitianos no Brasil, será exigido visto de entrada para os que chegarem ao território brasileiro, de forma que deverão obter o visto de entrada no consulado brasileiro em Porto Príncipe, capital do Haiti, antes de embarcarem para o Brasil.

Falta tudo a essa gente que foge da sua terra natal, deixando família, vínculos, amigos, lembranças... em busca de melhores condições de vida.

Os esforços no sentido de legalizar os que já estão no Brasil são grandes, mas não são suficientes para prover as condições mínimas a que merece um ser humano.

Os que conseguem ser regularizados recebem CPF, carteira de trabalho e transporte para as capitais do Acre e Amazônas.

O caminho não termina aí, pois o sonho é conseguir emprego em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, capitais já abarrotadas de imigrantes de outros estados e países, mas ainda é uma ponta de esperança para essa gente sofrida.

Os haitianos são um povo alegre pela própria natureza, fervorosos em sua fé, que inicialmente era no voduísmo, mas com a colonização espanhola e francesa veio o cristianismo e mais recentemente o protestantismo.

Causou-me espanto ver imagens da situação degradante que a maioria dos haitianos recém chegados ao Brasil está passando, é muito abaixo da linha da pobreza, sem condições mínimas de higiene e alimentação.

A entidade Médicos Sem Fronteiras faz um trabalho maravilhoso nas cidades onde eles chegam ao Brasil, entregam um kit de higiene pessoal, ensinam o mínimo de saúde e higiene, mas por mais que isso seja muito, não é tudo.

Os haitianos podem se tornar um problema de saúde e segurança pública, pois se não houver absorção desse contingente no mercado de trabalho, serão um alvo fácil para a prostituição, tráfico de drogas e violência.

Uma triste realidade que por enquanto ainda apenas vemos pela televisão, pelos jornais, mas em breve poderá estar muito mais próximo."

Paris Por Seus Reflexos

Ultimamente estou assim meio desanimada com o mundo, tudo muito sem graça, previsível, pouco inspirador, só desgraça, até pareço minha avó reclamando de assistir aos telejornais porque só mostram tragédias!

Estou com vários assuntos na fila para serem escritos e apresentados, mas resolvi furar a fila e trazer Joanna Lemanska, uma jovem polonesa, nascida na cidade de Slupsk no ano de 1985, que vive em Paris, a cidade luz.

Ninguém pode negar que Paris é uma das cidades mais inspiradoras do mundo, independente da época do ano, seguindo essa inspiração, Joanna munida com máquina fotográfica e celular resolveu clicar a cidade de uma forma diferente, mas muito inspiradora.

Ela é graduada em história da arte, autodidata em fotografias e amante de arquitetura, combinação perfeita para clicar Paris e mostrá-la de uma forma diferente, através dos reflexos.

Joanna já ganhou o mundo com suas fotos, que já foram publicadas na revista IMAGE, Metro Newspaper, DOC! Photo Magazine e em 2012 ela foi uma das finalistas do concurso National Geographic "Photo par Nature" organizado em parceria com o Museu de História Natural de Paris.

Pela frente ela terá ainda exposições na Soho Gallery for Digital Art em Nova York, em Toronto e em Tókio, vamos combinar que para uma fotógrafa autoditada é bastante, mas dê uma olhada em algumas de suas fotos e diga se não são merecedoras das mais variadas exposições mundo a fora? 









Para conhecer um pouco mais sobre o trabalho de Joanna, clique aqui e veja muitas outras fotos.

Nada melhor do que começar a semana com o que é belo aos olhos e enche o coração!

segunda-feira, 1 de abril de 2013

Somos Tão Jovens

Para lembrar os bons tempos do rock nacional dos anos 80, nada melhor do que ouvir em alto e bom som bandas como Legião Urbana, Capital Inicial, Ira, Plebe Rude, Paralamas do Sucesso, Ultraje a Rigor, Barão Vermelho e tantas outras que embalaram nossos sonhos e desejos de um Brasil melhor.

Tudo bem, se você nasceu nos anos 80 deve estar estranhando muito ler esses nomes, mas duvido que não conheça essas bandas que abalaram as estruturas do rock nacional.

Cada um tem sua banda preferida, não entremos nesse mérito, mas unanimidade é Renato Russo, o cara compunha muito bem.

Do cenário musical de Brasília surgiram bandas consagradas como Legião Urbana, Capital Inicial, Plebe Rude...mas vamos combinar que não foi assim tão simples essa galera chegar e arrasar com suas letras, músicas e canções, muito chão foi percorrido até serem celebs.

Então, para relembrar e curtir esses bons tempos que não voltam mais, estreará em 03 de maio próximo o filme dirigido por  Antonio Carlos da Fontoura e vivendo a pele de Renato Russo, Thiago Mendonça, "Somos Tão Jovens", contando a história do Renato Russo desde o Aborto Elétrico até Legião Urbana.


A produção conta ainda com uma web page e blog onde você encontra mais detalhes sobre o filme, o elenco, sinopse, etc. clique aqui e descubra mais.

Cidades Arborizadas

Quem gosta de caminhar ao ar livre sente muito os efeitos do calor e das temperaturas altas, mesmo no Outono, quem dirá nos dias mais quentes do Verão.

O Brasil é um país rico em áreas de plantio e cultivo de lavouras, mas vem perdendo gradativamente suas áreas verdes de matas e bosques, mantendo-se a muito custos as áreas de reservas ambientais e legais.

Temos muito espaço, mas a ideia desenvolvimentista toma conta das grandes cidades, que perdem seus espaços verdes para espaços áridos de concreto e construções, que outrora já foi sinal do desenvolvimento.

Ainda estamos aprendendo a valorizar nossas matas e florestas, criarmos bosques e áreas reservadas como praças, parques, pequenos bosques, etc.

É comum andarmos pelas grandes cidades e vermos árvores antigas, muitas delas  centenárias, mas abandonadas, sem cuidado, gerando riscos à população.

Já nas cidades médias e pequenas, as áreas verdes urbanizadas também perdem espaço para o desenvolvimento, uma contradição em si mesmo.

A ideia não é ser ecochata, mas apenas chamar a atenção para o fato de que precisamos ter espaços destinados ao plantio de árvores, não apenas para manter o equilíbrio verde nas cidades, mas para termos áreas de absorção de calor e água, simples assim.

Toda vez que viajo para fora do país percebo como essas áreas urbanizadas são importantes para o turista caminhante e não sou apenas eu que percebo isso, mas muita gente, acredite.

Pensando nisso, sabe aquela história de que todo mundo deveria plantar pelo menos uma árvore durante a vida? Pois é, não é assim tão simples sair plantando árvores por aí, é preciso saber qual a espécie se adapta melhor ao ambiente, às condições urbanas do local, etc.

A Prefeitura Municipal de Campinas disponibiliza em seu site algumas informações úteis e necessárias para quem quer começar a cultivar esse hábito ou apenas entender mais sobre o assunto, clique aqui e descubra.

Não basta ter árvores, bosques, praças e pomares, é preciso cuidar das plantas, com podas,   regas, adubos, etc. 

Se em sua casa, jardim, quintal...tem um bom espaço para ser preenchido com árvores, estude a ideia do plantio consciente e faça a sua parte.

* Foto Viviane Sartorato: Parque Nacional do Iguaçu/2012