segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Navegação: Um Problema da Vida Moderna?


Como as pessoas acabam escravas de alguns itens tecnológicos, que efetivamente vivemos sem por muitos anos e nem faz tanto tempo assim. Estou falando do GPS.

Pois é, tenho e uso, mas sem a confiança cega, porque se o ser humano erra, imagina a máquina programada por ele.

Quem está acompanhando do Rally Dakar pode perceber os problemas gerados a vários pilotos por conta das dificuldades de navegação.

Por muitos anos os participantes do Rally Dakar, ainda quando se chama Paris-Dakar atravessaram desertos sem ter o GPS para auxiliá-los na navegação, a grande maioria chegava ao destino sem maiores problemas, alguns ficavam perdidos no deserto, mas eram achados.

Alguns veículos já saem de fábrica com GPS integrado, mas até que ponto podemos confiar nessas giringonças tecnológicas?

Agora os GPS não são mais febres de consumo, mas há alguns anos atrás todo mundo queria comprar um para chamar de seu e nessa ânsia, acabavam comprando produtos “piratas” que levavam o seu usuário para as maiores roubadas de trajetos.

Isso ainda acontece, veja o exemplo do Rally Dakar desse ano, as planilhas deixaram os participantes malucos.

Li na imprensa o caso de uma belga de 67 anos que saiu de sua casa em um vilarejo chamado Solre-sur-Sambre, a 61 km de Bruxelas, para visitar sua amiga que estava na capital belga.

Até aí tudo bem, moderninha a senhora e confiante, para dizer o mínimo. O GPS levou-a a conduzir por 1.450 km até chegar na Croácia, na cidade de Zagreb.

É isso aí, confiou cegamente, disse a moderninha senhora que estava muito distraída e não percebeu que o percurso estava tão fora da sua rota, viajou pensando na vida ou na morte da bezerra, como costumamos falar por aqui.

Fico me perguntando como não perceber que estava, assim meio fora da rota, depois de dirigir por dois dias, passar por vários países, ver publicações e placas de carros em vários idiomas e ter que dormir na beira da estrada para restaurar as energias.

Isso sim que é ser sem noção de direção, rota e distância, Ana pode ficar sossegada, você dá de 10 na belga!!!

GPS para quê mesmo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!