terça-feira, 5 de junho de 2012

O Tempo É Implacável

Nossa o tempo voa mesmo, já estamos em junho e o fim do ano se aproxima, sem exageros.

Ando meio sumidinha, é a correria de quem tem muita coisa para fazer e não dá conta, o normal dessa vida, mas sem problemas.

O inverno traz um friozinho gostoso, já estava com saudades das temperaturas mais baixas, o calor me cansa muito, como a gente muda de ideia e de pensamento, ainda bem...

Até algum tempo atrás meu sonho de consumo era me mudar no inverno aqui nas minhas paragens para o calor eterno do nordeste, mas isso mudou completamente, assim como tantas outras coisas.

Agora já penso como seria ótimo viver em um local mais frio, com temperaturas mais amenas, será que é a menopausa chegando? Ainda não, tem muito tempo pela frente ainda.

Mudar é sempre bom, mais que isso acredito piamente que mudar é preciso. Um amigo querido me disse outro dia que toda mudança implica um pouquinho de sofrimento.

Não sei se concordo plenamente com isso, quando você planeja uma mudança sim, sem dúvida há toda uma fase de pensar, refletir, pesar prós e contras, até a iniciativa da mudança em si, mas quando você não participa do planejamento e se vê no meio da mudança, não dá tempo de sofrer.

Nós que temos verão mais intenso e prolongado associamos vida nova ao verão, que coincide com o fim e começo de ano, um efeito psicológico fantástico, mas e quem vive no hemisfério norte e tem as estações mais marcadas e separadas e não são no fim do ano como ficam?

Tudo é uma questão de ponto de vista, mas como costuma dizer uma amiga, sou do contra mesmo, algo como o ministro do STF Marco Aurélio, então acredito que toda hora é hora para mudar.

O tempo é implacável, não há espaço para os que dormitam sobre suas ideias, sonhos e pensamentos, Steve Jobs estava certíssimo com sua célebre frase “cada sonho que você deixa pra trás, é um pedaço do seu futuro que deixa de existir”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!