segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Dolce Far Niente!

Como faz bem fugir da rotina, revigora o corpo, a alma e o espírito. Todo mundo devia se dar ao direito de sair da rotina de tempos em tempos e curtir mais a vida.

Somos muito severos conosco, o stress nos consome e a vida passa muito rápida, gastamos muito tempo e energia em busca do cumprimento de listas malucas de tarefas e não temos tempo de alimentar uma listinha básica de pequenos desejos, como de lugares para conhecer, livros para ler, restaurantes para experimentar, filmes para assistir, etc.

Quando nos damos conta de que toda a melhor energia foi gasta em coisas que não nos dão prazer, muitas vezes já é tarde demais, a idade nos consumiu a disposição e a saúde e mesmo tendo a conta bancária com cifras perfeitas para curtir a vida, não é possível.

O tempo é implacável, não há dúvidas. Então busque viver em equilíbrio, de forma que sua vida útil seja voltada não apenas para o trabalho, construção e chegar lá, mas para desfrutar todas as boas coisas que cada fase te oferece.

Veja só a velocidade que o ano de 2011 está passando. Quantas pessoas queridas você já perdeu apenas nesse ano? Quantas outras adoeceram e estão limitadas a tratamentos de saúdes restritivos?

Então, não espere a vida passar, faça mais, mas faça com equilíbrio.

Os italianos têm uma expressão que retrata bem o que deveríamos fazer mais na vida: dolce far niente! É o prazer do ócio, do fazer nada sem culpa.

Vivemos muito os efeitos da globalização com o contágio do life style norte-americano, da culpa exacerbada, da ambição financeira desmedida, da pressão por resultados e esquecemos que a vida passa.

Então para começarmos a semana com mais atitude e equilíbrio dê-se ao prazer do dolce far niente!

 * Foto: Viviane Sartorato

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!