quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Dias Pequenos

Esses dias as coisas estão um loucura, é tanta coisa para fazer, a sensação que tenho é que o dia tem poucas horas, umas 30 seriam mais adequadas para dar conta de cumprir todas as tarefas, ainda mais se considerar que tenho que fazer, com mais freqüência do que me agrada, o trabalho dos outros.

Mas como a vida é curta e a gente consegue se desdobrar, ainda é possível encaixar na agenda um encontro com as amigas. Ótima oportunidade para colocar as fofocas em dia, falar mal da vida alheia, dar boas risadas e fazer uma terapia em conjunto.

Esse verão fora de época contribui com o cansaço do fim do dia, mas é um prato cheio para tomar algo geladinho e refrescar a guela.

O mundo parece que está em frangalhos, as bolsas oscilando de novo, será que alguém ainda se incomoda com isso? Os que perdem dinheiro com as quedas!!!!

No Oriente Médio não há paz nunca, uma tristeza ver as cenas de violência, na Inglaterra parece que as coisas se acalmaram um pouco. Será que o Obama saiu de férias? Acabei não acompanhando esse evento que abala a opinião pública de quem não tem o que fazer, por isso não tira férias.

Não consigo acompanhar as novidades do mundo automobilístico, estou com vários posts começados, mas não consigo terminá-los.

Reconfortante lembrar que ainda terei coisas boas no decorrer da semana, como ir na manicure pintar as unha e colocar os assuntos em dia, receber uma drenagem linfática revigorante e dolorida, namorar muito, apreciar uma boa refeição regada a vinho...

Nem só de trabalho vive essa marmota que vos escreve, ufa, ainda há esperança.

Bom, vamos tocando que a quinta-feira ainda não acabou !

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!