quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Fur Foxtail Não Entre Nessa Moda

Confesso que o mundo fashion me fascina, acompanho as notícias, as tendências e coisas do tipo, mas não sou maníaca nem consumista e sou muito crítica, por isso mesmo não posso deixar de comentar a nova tendência lançada por Marc Jacobs em sua coleção Spring 2010 de acrescentar fur foxtail em suas bolsas.

Admiro o espírito criativo e artístico de estilistas, mas daí a resgatar velhos hábitos que vão diametralmente opostos aos conceitos de preservação ambiental, sustentabilidade e futuro... não posso admirar.

Não faz sentido nenhum pendurar em bolsas ou em qualquer outro acessório rabos de raposa, nem mesmo os fakes, quem dirá os extraídos de animais. Está com a razão o PETA em protestar.




Que Marc Jacobs se sinta na crista da onda por resgatar modismos esquecidos no velho oeste norte americano não me espanta, mas que celebs que se auto intitulam inteligentes, engajadas em causas sociais e formadoras de opiniões saiam por aí gastando horrores com esse modismo, também não me espanta, o que se esperar de gente que vive para isso!



Atrás das celebs seguem um rio de pessoas sem o mínimo de senso crítico, que por falta de personalidade e coragem não contestam tendências como esta.


Não vou nem entrar no mérito de como se extraí e preparam as peles de rabos de raposa, porque aí sim a repulsa seria completa, seria interessante que as clebs e seus seguidores conhecessem um processo de extração e preparação de peles, independente do animal a que se refere.

A partir do momento em que se conhece o processo, as coisas mudam, um bom exemplo é a gelatina, quantas pessoas deixam de consumi-las depois que conhecem seu processo fabril.

Como o mundo é na sua maioria capitalista, os sites e lojas estão prontos, oferecendo o novo acessório moderno, cafona e com requintes de crueldade com a raposa! Mas quem liga para isso?

Eu ligo e me manifesto contrariamente a essa moda e convido você a fazer parte dessa reflexão em favor do bom senso, se você concorda, manifeste-se também.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!