quinta-feira, 22 de julho de 2010

Os Sem Noção

A vida é bem engraçada as vezes, confesso, estava eu conversando com alguns amigos sobre coisas da vida, cotidiano, convivência etc. e tal e acabamos caindo no assunto de quantos sem noção cruzam a nossa vida, sem falar nos que dividem de alguma forma o espaço com a gente.

Quantas pessoas você conhece que são completamente sem noção? Eu conheço várias...nem é bom enumerar!

As que mais me incomodam são as do ambiente de trabalho, que não conseguem distinguir prioridades e ficam incomodando os demais por qualquer coisa, mas quando de fato deveriam levantar da cadeira pra correr atrás da solução, se fingem de mortos.

Esse tipo é abominável....e aquele que se acha muito esperto, gosta de usar e abusar da Lei de Gerson, esquivando-se das responsabilidades e encontrando alguém pra empurrá-la. Você conhece muitos desse tipo?

Alguns gestores se encaixam perfeitamente nesse perfil de sem noção, não sabem delegar, não participam dos problemas e só aparecem para apresentar a solução, como se fosse o salvador da pátria. Esse é um tipo que também se aproveita da Lei de Gerson, mas de outra forma.

Muitas pessoas sofrem mais com os sem noção que fazem parte da família, esses realmente são difíceis de conviver e muitas vezes não temos como não encontrar o tal na mesa  durante o jantar ou no almoço de domingo.

Maridos e mulheres dão ótimos exemplos de sem noção, normalmente os homens são mais desligados e não percebem os pontos que mais irritam suas mulheres, aí é o começo de uma boa pendenga!

Conheço casos engraçados ou trágicos, dependendo do ponto de vista, as vezes um simples telefonema no meio do seu dia de trabalho perguntando " você sabe onde está o documento de venda do carro?" pode representar uma tempestade!

E aquela clássico..." nossa esqueci do noso aniversário de casamento!" quando o tipo chega em casa e vê a cena toda preparada, mas nem consegue imaginar o motivo de um jantar diferente.

A vida é cheia de gente sem noção, fico aqui pensando que muitas vezes cada um de nós já foi um sem noção para alguém e nem percebemos.

Não é fácil não ultrapassar a linha fronteiriça entre um pequeno deslize e ser um sem noção completo. Vale o exercício de se analisar e determinar de que lado você está da linha.

Ah, por mais difícil que pareça e olhe que eu sou uma pessoa que me irrito muito com os sem noção, tente manter a calma, respire fundo e....solte os cachorros com essa gente! Não vamos deixá-los dominar o mundo!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!!